Filé à Parmegiana – Lembranças com Água na Boca

Chef Taico

Receita: Filé à Parmegiana

Tempo de preparo: 45min | Serve 04 pessoas

 

Ingredientes:

  • 04 bifes de filé mignon de 120g
  • 04 fatias de muçarela
  • Queijo parmesão ralado
  • 02 ovos bem batidos
  • 300 ml de polpa de tomates
  • 01 lata de tomates pelados bem picados com o suco
  • ½  cebola picada
  • Folhas de manjericão
  • Folhas de sálvia
  • 01 dente de alho picado
  • Farinha de rosca
  • 02 colheres de sopa de manteiga
  • Sal, pimenta e azeite

 

Modo de preparo:

  1. Bata os bifes fazendo com que abram bem
  2. Tempere os bifes com sal e pimenta e passe pela farinha de rosca apertando bem. Reserve
  3. Refogue o alho e a cebola com manteiga, adicione o manjericão, junte a polpa e o tomate com o suco, tempere com sal e pimenta.
  4. Cozinhe por 20 minutos em fogo baixo
  5. Passe os bifes pelos ovos e em seguida na farinha novamente apertando bem
  6. Aqueça 02 colheres de sopa de manteiga, junte a sálvia e doure os bifes nos dois lados. Retire e arrume em um refratário
  7. Coloque uma fatia de muçarela sobre cada bife, cubra com o molho e por cima o parmesão ralado
  8. Leve ao forno aquecido para gratinar e sirva borbulhante


Patrocinador:

Logo Moveis Brasilia

 

Apoio:

Logo Visocenter fundo branco

 

Logo irmãos furuta

Logo Alho Mania png


Crônica: Borbulhante

 

O centro da cidade era um verdadeiro burburinho.

Pessoas das mais diversas origens iam e vinham apressadamente cuidando dos mais diversos interesses, do comércio do café, algodão e cereais à já pujante construção civil, entre outros. Muita conversa, muito trabalho, muita andança e logicamente muita fome.

Alguns restaurantes estrategicamente colocados se esmeravam em bem atender com belos e fartos pratos já não tão provincianos. O público estava mais exigente e endinheirado, fazia-se necessário um cardápio a altura.

A grande São Paulo, industrial e cosmopolita ditava as tendências gastronômicas.

Das cantinas paulistanas surge um belíssimo prato criado para reconfortar os convivas naqueles dias de garoa e frio que por ali eram freqüentes.

Com sotaque italiano nasce o “Filé à Parmegiana”. O nome fazia juz ao queijo da cobertura, o parmesão.

Muito bem copiado, nos cardápios londrinenses ele encantava.

Homens em ternos de linho muito bem cortados adentravam os estabelecimentos e imediatamente eram atendidos por maitres e garçons bem treinados.

Questionados sobre o prato, respondiam;

“Bifes de filé minhom muito macios, empanados e fritos na manteiga para depois serem cobertos por mussarela e um delicioso molho de tomates. Por cima, queijo parmesão ralado e gratinado até tostar levemente”.

E o ponto?

La fora a neblina era densa, a garoa fina e o frio cortante.

O melhor ponto: “Borbulhante”.


+ Lembranças:

 

Bife a Rolê – Lembranças com Água na Boca

Pastel de Camarão – Lembranças com Água na Boca

Canjiquinha com costelinha defumada – Lembranças com água na boca


Conheça a Escola de Gastronomia do Chef Taico na internet: www.escoladocheftaico.com

Acesse centenas de outras receitas no Blog do Chef Taico, todas com vídeo demonstrando o preparo + a receita escrita, clique aqui:

Inscreva-se no nosso canal do youtube, e receba todas as novas receitas – clique aqui:

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Curso básico de cozinha - clique aqui