Macarrão com Molho de Carne – Lembranças com Água na Boca

Chef Taico

Receita: Macarrão com Molho de Carne

Tempo de preparo: 03h | Serve 10 pessoas

 

Ingredientes:

  • 02 kg de acém em cubos pequenos
  • 04 latas de tomates italianos picados ou dois kg de tomates bem maduros
  • 02 cebolas picadas
  • 02 dentes de alho picados
  • 02 colheres de sopa de banha de porco
  • ½ pimenta dedo de moça picada
  • ½ talo de salsão picado
  • 300 ml de vinho branco seco
  • Manjericão
  • Alecrim
  • Queijo parmesão ralado
  • Sal e pimenta

 

Modo de preparo:

  1. Tempere a carne com sal e pimenta
  2. Aqueça a banha, junte o alecrim e refogue a carne até ficar bem dourada
  3. Adicione a cebola, dedo de moça, alho e salsão e mexa bem refogando com fogo baixo
  4. Coloque o vinho branco seco e deglace a panela
  5. Adicione o tomate e o manjericão,  cozinhe até ficar grosso e a carne macia
  6. Duas horas em fogo bem baixo
  7. Cozinhe a massa e sirva com o molho e o parmesão


Apoio:


Crônica: Horta

 

A casa era mista: um pouco madeira e outro tanto material. O piso de madeira levantado estralava conforme andávamos da sala, passando pelos quartos até chegar na cozinha, ali mudava para cimento com vermelhão muito bem encerado.

Construída na frente do grande terreno tinha ao fundo um enorme quintal onde o primeiro pedaço era calçado tendo ao lado um barracão com gaiolas lotadas de galinhas poedeiras onde meu avô Álvaro consumia ovos crus sentado na beirada do caldeirão de fazer sabão.

No fundo um pomar com mangueira, abacateiro, laranjas e poncãs ia até a cerca de balaústres coberta por chuchuzeiros e pés de maracujá. Tudo muito bem roçado, coroado e varrido tendo sempre um enorme monte de folhagens para ser queimado.

Ovos saboreados, os demais eram recolhidos. Seguia-se uma minuciosa limpeza das gaiolas sendo o poderoso esterco levado para curtir com as cinzas das folhagens.

Entre o cimentado e o pomar, muito bem cercada, semi coberta e irrigada estava a horta. Era ali que minha avó Mariquinha fazia a sua academia.

Lenço na cabeça e chapéu de palha, galochas nos pés, e nas mãos as ferramentas variavam entre enxadas, peneiras e pás de tamanho e peso variados.

Serviço pesado que começava bem cedo e levava algumas horas para que os tratos culturais produzissem variedades coloridas de ervas, verduras e legumes.

A mão carinhosa apertava delicadamente os lindos frutos vermelhos que aprovados iam para a bacia de alumínio contrastando com o verde intenso do manjericão.

Já de chinelo deslizando sobre o vermelhão abana a lenha que estrala. No fogão a água ferve e os tomates são escaldados, pelados e picados.

A carne bem refogada recebe o tomate adocicado e juntos cozinham por horas até que um molho intenso de cor e sabor, em conchadas fumegantes vai cobrir a massa.

Meu Deus! Que saudade.

Ainda sinto o cheiro da horta, da panela e da “Colônia alemã” que ela usava.


+ Lembranças:

 

Costela Assada no forno – Lembranças com Água na Boca

Feijão Gordo – Lembranças com Água na Boca

Bife a Rolê – Lembranças com Água na Boca


Conheça a Escola de Gastronomia do Chef Taico na internet: www.escoladocheftaico.com

Acesse centenas de outras receitas no Blog do Chef Taico, todas com vídeo demonstrando o preparo + a receita escrita, clique aqui:

Inscreva-se no nosso canal do youtube, e receba todas as novas receitas – clique aqui:

Comments
  1. Socorro | Responder

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Curso básico de cozinha - clique aqui